Câmara de Guabiruba realizou sessão online na noite de terça-feira

Através de videoconferência de suas residências os parlamentares discutiram temas como saúde, educação, economia e coronavírus.

Outras notícias da semana

20 candidatos disputam cargo de vereador em Botuverá

Nome na Urna  Nome Completo  Nº  ...

Polícia Civil recupera celular furtado dentro de agência bancária

Polícia Civil de Brusque, através da Divisão de Furtos e Roubos - DFR, recuperou na noite desta terça-feira, 22, um aparelho telefônico da marca...

Confira o boletim epidemiológico desta sexta-feira, 25 de setembro

A Vigilância em Saúde de Brusque registrou 26 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas. Segundo o último boletim epidemiológico divulgado...

Santuário Santa Paulina prepara retorno das missas presenciais com protocolo de segurança

O Santuário Santa Paulina terá o retorno das missas presenciais a partir do dia 24 de outubro. As Irmãzinhas, Padres e Colaboradores...

Na noite de terça-feira, 28, a Câmara Municipal de Guabiruba realizou a última sessão online do mês de abril, sendo os trabalhos presididos pela vereadora Rosita Kohler (Progressistas).
Através de videoconferência de suas residências os parlamentares discutiram temas como saúde, educação, economia e coronavírus.

O vereador Felipe Eilert dos Santos (PT) fez uma indicação verbal solicitando que a Câmara Municipal envie ofício a Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc) para buscar informações sobre quantas famílias guabirubenses estão sendo contempladas com o programa Tarifa Social e como a empresa está trabalhando no processo de divulgação desse benefício.

O parlamentar também comentou sobre o Projeto de Lei Estadual que proíbe a suspensão de fornecimento de água, luz, gás e esgoto nesse período de dificuldade em decorrência da Covid-19.

Haliton Kormann (MDB) solicitou a instalação de pórticos de entrada nos morros Spitzkopf e Gueba, além da instalação de placas indicativas.

Sobre o trânsito o parlamentar comentou sobre um acidente que aconteceu na Rua 10 Junho na saída do Supermercado Archer, momento que um veículo saiu na contramão da via. Kormann disse que foi indagado por populares sobre a falta de uma placa de trânsito informado sobre a proibição de transitar sentido Prefeitura Municipal. Segundo o vereador também ajudaria a implantação de uma mão inglesa na saída do estabelecimento comercial.

A vereadora Rosita Kohler discorreu sobre visita a Secretaria de Educação para buscar informações sobre o período de afastamento dos alunos em decorrência da pandemia do Coronavírus. 

A parlamentar também buscou informações sobre o início da utilização da nova plataforma online para trabalhos à distância com os alunos. Ela também informou que os alunos que não tiverem acesso a computadores ou internet, os pais podem se dirigirem até as unidades escolares de seus filhos para buscar o material impresso.

O vereador Paulo Ricardo Gums (Progressistas) orientou a comunidade guabirubense sobre o prazo para regularização dos títulos de eleitor que vai até 06 de maio. Segundo o parlamentar no município são 2018 pessoas com os títulos cancelados e a atualização poderá ser feita eletronicamente através do site de Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE/SC). A falta de regularização do título pode levar ao cancelamento do CPF.

O ato de jogar lixo para fora dos carros e também em passeios públicos também foi assunto em destaque, segundo Gums os roçadores da prefeitura tem os seus trabalhos dificultados por essa situação. O parlamentar solicitou conscientização por parte da comunidade usuários de vias e trilhas na cidade.

Vilmar Gums “Mala” (MDB) também comentou sobre a importância do projeto aprovado pelo governo que proíbe a suspensão de água, luz, gás e esgoto em Santa Catarina no momento atravessado pela nação com a pandemia do coronavírus.

O parlamentar também discorreu sobre mais um acidente entre bicicleta e carro nas proximidade da farmácia do “Paulinho”, providência foram solicitadas junto as autoridades de trânsito da cidade.

Waldemiro Dalbosco (Progressistas) comentou sobre a oportunidade da unificação das eleições e também opinou sobre a chance de tornar o voto facultativo. Para justificativa ao voto opcional o parlamentar destacou a dificuldade enfrentada por milhares de pessoas que tiveram seus CPFs cancelados e tiveram trabalho para acessar ao Auxílio Emergência e outros programas sociais do governo, pelo simples motivo de não ter votado em algumas das últimas eleições.

Ainda sobre o assunto Dalbosco também fala sobre a chance de acabar com as reeleições, além de criticar os últimos governos afirmando que alguns tinham um “projeto” de perpetuação do poder no país, enquanto o atual governo tem um “projeto” de perpetuação de uma família.

ORDEM DO DIA

Nenhum projeto de lei foi colocado em votação.

A próxima sessão ordinária da Câmara Municipal de Guabiruba será realizada no dia 05 de maio no horário regimental de 19 horas.

Últimas postagens

Conversando com Você de 28 de setembro de 2020

Conversando com Você de 28 de setembro de 2020. Ouça! Conversando com Você de 28 de setembro de...

Conversando com Você de 25 de setembro de 2020

Conversando com Você de 25 de setembro de 2020. Ouça! Conversando com Você de 25 de setembro de...

Rompimento de cabos afeta telefonia e internet na Rua Rodrigues Alves

O rompimento de cabos de telefonia e outras fiações geram preocupação e transtornos nas imediações da rua Rodrigues Alves, no Centro. O problema se...

Presidente do Sintrafite fala sobre Convenção Coletiva da categoria

O Jornal da Diplomata recebeu na manhã desta segunda-feira, 28, o sindicalista Aníbal Boetger, presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Industria da Fiação, Tecelagem...
Publicidade
WhatsApp chat