Procon de Brusque realiza pesquisa de preço em mercados da cidade

Foram pesquisados valores de venda de 12 itens essenciais em cinco estabelecimentos e não foram constatadas práticas abusivas

Outras notícias da semana

Mulher é hospitalizada após cair de escada, desequilibrada por um gato

O Corpo de Bombeiros atendeu nesta sexta-feira (25), pouco antes das 9h da manhã, uma ocorrência de acidente doméstico, na rua José Schirmer, Guabiruba....

Presidente do Sintrafite fala sobre Convenção Coletiva da categoria

O Jornal da Diplomata recebeu na manhã desta segunda-feira, 28, o sindicalista Aníbal Boetger, presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Industria da Fiação, Tecelagem...

Covid-19: Prefeitura de Brusque edita novo Decreto nesta segunda-feira (21)

A Prefeitura de Brusque editou no final da tarde desta segunda-feira (21) o Decreto número 8.731, que dispõe sobre novas medidas de...

42 candidatos disputam para cargo de vereador em Guabiruba; confira

Nome na Urna Nome Completo Nº Situação Sigla Partido/Coligação  ANDERSON SCALVIMANDERSON ROBERTO SCALVIM22000Aguardando julgamentoPLPLBETO JOSE ROBERTO SANTOS REISJOSE ROBERTO SANTOS REIS22444Aguardando julgamentoPLPLDANIEL HAAGDANIEL HAAG22888Aguardando julgamentoPLPLDEISE NIELS PONCHIROLLIDEISE NIELS...

O Procon de Brusque realizou pesquisa de preço em cinco estabelecimentos comerciais da cidade, na terça-feira (24). Objetivo foi verificar práticas abusivas por parte dos comerciantes, no que se refere aos preços de produtos essenciais.

No total, foram pesquisados 12 itens: leite, detergente Ypê, Papel Higiênico com quatro rolos, arroz (1kg e 5kg) farinha de mandioca, ovos (1 dúzia), cloro e água sanitária (5l), água (20l), sabão líquido Ypê (1l), feijão preto (1kg), feijão vermelho (1kg) e álcool.

Dos 12 itens pesquisados, seis estavam mais baratos no Supermercado Archer, quatro no Angeloni, um no Fort Atacadista e um no O Barateiro. O Supermercado Bistek estava com um produto em falta (álcool) e não registrou nenhum preço abaixo dos demais pesquisados.

“Tivemos conhecimento de que em cidades vizinhas ocorreu o aumento excessivo de alguns produtos, principalmente leite e álcool. Por isso. procedemos com a pesquisa de preço junto aos principais estabelecimentos da cidade. Até o presente momento não constatou-se qualquer prática abusiva por parte dos comerciantes de Brusque. Não percebemos qualquer mudança significativa, a ponto de justificar uma intervenção do Procon. Os preços se mantêm inalterados e ainda não tivemos nenhuma denúncia”, explica o diretor geral do Procon, Volnei Montibeller.

De acordo com ele, o Procon trabalha para proteger o consumidor brusquense, tomando medidas preventivas junto aos estabelecimentos, para orientar sobre possíveis práticas infrativas que podem incorrer.

“Em razão das medidas preventivas adotadas, acredito que não teremos problemas na nossa cidade no tocante a práticas abusivas com relação ao aumento injustificado dos produtos”, acrescenta o diretor.

Vale lembrar, que na semana passada (terça-feira, 17), o Procon divulgou Carta de Recomendação às empresas que comercializam produtos utilizados na prevenção do Coronavírus (Covid 19), como álcool em gel, luvas e máscaras, para que não subissem os preços sem justo motivo.

Denuncie

Em caso de verificação de prática de preço abusivo, o consumidor deve encaminhar denúncia, com documentos que a comprovem (foto, cupom fiscal, etc) ao Procon pelo e-mail procon@brusque.sc.gov.br ou pelo whatsApp 9 8873-1963.

Procon de Brusque. (Foto: Divulgação / Prefeitura de Brusque)

Últimas postagens

COVID-19: Boletim epidemiológico 27 de setembro

A cidade de Brusque já tem 5389 pacientes recuperados do coronavírus. Segundo o último boletim epidemiológico divulgado neste domingo (27) o total de casos confirmados...

Brusque não participará dos Jogos Abertos de Santa Catarina

A Fundação Municipal de Esportes (FME) de Brusque divulgou nota destacando que o município não será uma das sedes e também não...

Condutores são socorridos após colisão entre carro e caminhão, na Beira Rio

Um acidente entre carro e caminhão foi registrado na manhã desta segunda-feira (28), por volta das 10h, na margem direita da Avenida Beira Rio,...

Histórias da construção civil: Aos 72 anos, trabalhador atua há mais de meio século no setor

Aos 72 anos de idade, o pedreiro Raul Coelho da Silva está na ativa e a todo vapor. E não pensa em...

Tiro de Guerra realiza Tiro de Instrução Básico (TIB) em Brusque

O Tiro de Guerra de Brusque realizou nos dias 24 e 25 de setembro o Tiro de Instrução Básico (TIB) com os...
Publicidade
WhatsApp chat