Secretária de Educação fala sobre início do ano letivo e objetivos da educação

Outras notícias da semana

Presidente da AmpeBr fala sobre lançamento de Revista Histórica e rodadas de negócios

A Associação das Micro e Pequenas Empresas de Brusque e Região (AmpeBr) lançou na quarta-feira, 14 de outubro, a Revista Histórica da...

Dia do Médico: missão de cuidar e salvar

Plantões intensos e prolongados, diagnósticos de doenças raras, curas esperadas e inesperadas e perdas de vidas irreparáveis. Essas são algumas situações presentes...

Covid-19: Ministério da Saúde prorroga credenciamento de 10 leitos UTI

O credenciamento de 10 leitos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Azambuja, para tratamento exclusivo de pacientes com Covid-19 foi...

Gerente da agência SICREDI/Centro fala sobre o PIX

Lançado no Brasil no dia 05 de outubro, o PIX é uma maneira nova e muito mais fácil de pagar e receber dinheiro,...

O Jornal da Diplomata recebeu na manhã desta quinta-feira, 23 de janeiro, a professora Eliani Aparecida Busnardo Buemo, Secretária de Educação de Brusque.

Eliani falou sobre o início do ano letivo, temas como estrutura dos educandários, distribuição de materiais escolares, transporte e qualificação profissional e contratação de ACTs.

Desde o dia 21 de janeiro, a Secretaria de Educação está com plantão na Educação Infantil, porém, conforme informado pela secretária durante a entrevista ao vivo, o número de crianças inscritas não foi o mesmo que compareceu nos educandários. Neste sentido, Eliane desabafou:

“Estamos um tanto quanto, novamente, decepcionados, porque preparamos nos para 770 crianças e isso envolve um grande número de profissionais, de merenda, mobilização de várias frentes e tivemos nos dois primeiros dias menos de 450 crianças que vieram. Isso aconteceu em 2018, en 2019, e então criamos alguns critérios. Aqueles pais que inscreveram e não trouxeram seus filhos, não puderam fazer nesse ano de 2020, mas, ainda, infelizmente, há sempre uma manifestação tão forte em relação a questão da creche, e que nós entendemos realmente que sim, mas há o que se pensar quanto, de uma forma eu diria até irresponsável. É dinheiro público. Afinal de contas, é o contrato que foi prorrogado, toda uma logística que tem que se fazer e depois a gente acaba não tendo o retorno necessário”.

Acompanhe a entrevista na íntegra!

Secretária de Educação Eliani Aparecida Busnardo Buemo. (Foto: Diplomata FM)


Últimas postagens

Emprego – BIL Têxtil contrata.

Tecelão com experiência Operador de Máquina de Fiação Auxiliar de Expedição Auxiliar de...

Emprego – IZ Têxtil contrata

Costureira para o primeiro turno, bairro São Pedro, Informações telefone 47 9 9206-7576

Colisão tomba veículo no bairro Maluche

Uma colisão terminou no tombamento de um veículo nas proximidades da Apae. Imagens das câmeras de monitoramento registraram o momento do acidente,...

Boletim Epidemiológico de terça-feira, 20 de outubro

Boletim Epidemiológico de terça-feira, 20 de outubro A Vigilância em Saúde de Brusque registrou 10 novos casos de Covid-19...

Cidade Limpa dará destinação correta a materiais do Dia D Ecoponto

A Cidade Limpa participa nesta quinta-feira, 22 de outubro, de mais uma edição do Dia D Ecoponto. O evento será realizado no formato drive...
Publicidade
WhatsApp chat