Vereador Simas emite comunicado sobre despacho da presidência da Câmara

Vereador Simas emite comunicado sobre despacho da presidência da Câmara

Outras notícias da semana

Presidente da ACIBr fala sobre comemorações dos 86 anos da entidade empresarial

Na manhã desta terça-feira, 20, o Jornal da Diplomata recebeu ao vivo a empresaria Rita de Cassia Conti, presidente da Associação Empresarial de Brusque...

Mulher fica ferida em acidente que veículo fugiu do local, no bairro Dom Joaquim

Uma colisão entre carro e moto mobilizou o Corpo de Bombeiros na tarde desta segunda-feira, 19. O acidente foi registrado na Rua...

Gerente da agência SICREDI/Centro fala sobre o PIX

Lançado no Brasil no dia 05 de outubro, o PIX é uma maneira nova e muito mais fácil de pagar e receber dinheiro,...

Jovem morre após acidente entre carro e moto na rua Dorval Luz

Um jovem de 19 anos morreu em um acidente de trânsito na noite desta segunda-feira, 19. Conforme o Corpo de Bombeiros, a...

O vereador líder do Governo na Câmara, Alessandro Simas (PSD), emitiu um comunicado após o despacho do presidente em exercício, Gerson Luís Morelli, o Keka, (PSB), indeferindo requerimento assinado pelos vereadores da bancada situacionista que solicitavam a marcação de uma sessão extraordinária para este sábado (21), às 14h.

A sessão deste sábado tinha por fim proceder a eleição para preenchimento dos cargos de presidente e vice da casa legislativa, vagos a partir da renúncia do ex-presidente José Zancanaro e seu vice Ivan Roberto Martins, ocorrido na sessão ordinária da última terça-feira (17), tendo sido esta a última reunião ordinária do ano de 2019.

Confira o comunicado de Simas, emitido pela Assessoria de Imprensa da Câmara, na íntegra:

Considerando a coletiva de imprensa concedida na tarde do dia 19/12 pelo Presidente Interino da Câmara, o Sr. Gerson Luís Morelli;

Considerando que em seu pronunciamento deixou cristalino que não autorizaria a realização da sessão extraordinária, inobstante tal sessão possua previsão regimental, cabendo apenas ao gestor providenciar os atos administrativos necessários para fins de viabilizar a sua realização;

Considerando que além de não cumprir seu dever regimental de convocação, o presidente interino, em uma atitude arbitrária e desrespeitosa, proibiu qualquer servidor da Câmara de Vereadores, efetivo, comissionado ou cedido, de se fazer presente no dia da sessão, proibindo-os assim de cumprir com suas funções estatutárias, inviabilizando totalmente a realização do ato;

Este Vereador, subscritor do requerimento de realização de sessão extraordinária, falando em nome do grupo, vem, publicamente, lamentando a conduta antirregimental, autoritária e arbitrária do Presidente Interino, e, buscando preservar os servidores da Câmara Municipal, comunicar o CANCELAMENTO da sessão extraordinária agendada para o dia 21/12 as 14h”, diz o comunicado.

Últimas postagens

Brusque FC presta homenagem a atletas que completaram 50, 100 e 150 jogos com a camisa quadricolor

Na manhã de sábado (24), o Brusque Futebol Clube prestou homenagem aos atletas que completaram 50, 100 e 150 jogos com a...

Obituário, 25 de outubro de 2020

Faleceu às 7h35 de sábado (24), com 75 anos, Mazilda dos Santos, que morava em Azambuja. Sepultamento ocorreu ás 16h do mesmo dia,...

PM prende homem por violência doméstica, no Guarani

Por volta das 17h de sábado, a Polícia Militar de Brusque atendeu ocorrência de violência doméstica, ocorrido no bairro Guarani. No...

Homem é resgatado após cair e ficar preso em área de difícil acesso, no Brilhante II

Por volta das 17h de sábado (24), os bombeiros de Brusque foram acionados para o resgate de uma pessoa em local de difícil...

Mega-Sena acumula e próximo concurso pode pagar R$ 45 milhões

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2312 da Mega-Sena. O prêmio acumulou e a estimativa para o próximo concurso é R$...
Publicidade
WhatsApp chat