Início Notícias Geral Corpo de Bombeiros SC efetiva Bono como novo cão de busca e...

Corpo de Bombeiros SC efetiva Bono como novo cão de busca e resgate

Com herança genética de dois cães de busca do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC), Bono é mais um dos filhotes da nova geração de cachorros treinados para buscas e resgates. Neto dos aposentados Ice e Malu, ele nasceu no Rio de Janeiro.

“Nós estamos criando uma linhagem própria de Labradores para busca e resgate e o Bono faz parte disso, reforça a família”, conta o presidente da Coordenadoria de Busca, Resgate e Salvamento com Cães, coronel Walter Parizotto.

A mãe do Bono, a cadela Lua, é uma Labradora catarinense que foi doada ao Corpo de Bombeiros Militar do Rio de Janeiro. Já o pai é um Labrador da Polícia Militar do Rio de Janeiro.

“O Bono já vem com uma carga genética de qualidade para o serviço de busca e salvamento. Apesar de isso ser uma questão de orgulho para mim como condutor, sempre fica uma carga maior de expectativa sobre o nosso trabalho, mas com o treinamento correto e dedicação ele será um ótimo cão de busca”, explica o cabo Matheus Premoli, condutor do Bono.

Corpo de Bombeiros SC efetiva Bono como novo cão de busca e resgate
Binômio – dupla entre bombeiro militar e cão de busca.

O binômio – dupla entre bombeiro militar e cão de busca – está na cidade de Araranguá, no Sul do Estado, em treinamento. Com apenas 5 meses de vida, o cão já demonstra aptidão durante os treinos, que não passam de grandes brincadeiras para os animais e acontecem todos os dias.

“O que é trabalho para nós, para o cão é diversão. As sessões de treinos têm que ser divertidas e prazerosas para ele”, complementa Premoli.

Um dos diferenciais dos cães de busca e resgate do CBMSC é o fato de morarem na casa dos condutores, garantindo proximidade e afeição, além de atenção diária.

Foco na certificação

Para atuar como cão de busca do CBMSC é preciso que os cães passem por provas de certificação a partir dos 18 meses de vida. Todo a dedicação do binômio é em treinamentos para estas provas. São apresentados ao filhote diferentes estilos de terrenos e situações, brincando e estimulando a curiosidade do animal.

“Quando o Bono estiver apto para o trabalho, ele encontrará diversos cenários de ocorrências, diferentes ambientes, por isso é importante o trabalho de habituação e socialização do cão diariamente“, explica o cabo.

Must Read

Secretaria de Obras ainda mantém força-tarefa para recuperar estragos da chuva

O Secretário Municipal de Obras, Ricardo de Souza, esteve ao vivo no Jornal da Diplomata na manhã desta terça-feira, 21. De acordo com Ricardo,...

Conversando com Você de 21 de janeiro de 2020

Conversando com Você de 21 de janeiro de 2020. Ouça! Conversando com Você de 21 de janeiro de...

Manhã Mais – Resultado de 21 de janeiro.

Par de ingressos Cine Gracher + ensaio fotográfico Color Center + 2 fotos 15x21 *** Ganhadora: Aryelli Aparecida Visnheski ***

Presidente do Sintricomb fala sobre convenção coletiva que acontece em Canelinha

Na manhã desta terça-feira, 21 de janeiro, recebemos no Jornal da Diplomata o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção...

Bombeiros reforçam monitoramento nas águas procuradas por banhistas em Brusque e região com rondas até março

A temporada de verão e forte calor em nossa região tem sido marcada, também, por rondas que monitoram águas do rio Itajaí-Mirim,...
WhatsApp chat