Brusque é campeão brasileiro da Série D

Outras notícias da semana

Câmara de Guabiruba realizou sessão na terça-feira

Na noite de terça-feira, 15, a Câmara Municipal de Guabiruba realizou sessão ordinária virtual com a participação dos nove vereadores e funcionários da casa...

Homem sofre queda de oito metros em empresa

Queda: O Corpo de Bombeiros socorreu um homem que caiu de uma altura de oito metros.  A ocorrência foi registrada na rua Edgar...

Lar Sagrada Família recebe apoio do Grupo Escoteiros Brusque, em ação para angariar recursos

O Abrigo Lar Sagrada Família é uma entidade filantrópica de acolhimento que atua na cidade de Brusque. A Instituição acolhe crianças em...

Pró-reitor de graduação da UNIFEBE fala sobre programação da Semana Integrada de Cursos

O jornalista e autor do best-seller “O papai é pop” abrirá a Semana Integrada de Cursos da UNIFEBE, com uma palestra virtual gratuita. O...

O Brusque Futebol Clube conquistou o primeiro título nacional de sua história na tarde de hoje, 18, ao vencer, nos pênaltis, o Manaus. A partida, disputada na Arena da Amazônia terminou empatada em 2 a 2 e na marca da cal o Bruscão levou a melhor vencendo por 6 a 5.

Mais de 45 mil pessoas compareceram a Arena da Amazônia para prestigiar a grande final do Campeonato Brasileiro Série D. Quem saiu na frente foi o Quadricolor, com Junior Pirambu, logo aos 2 minutos de jogo.

Após cobrança de falta de Thiago Alagoano, a bola sobrou para o artilheiro marcar seu décimo gol na competição, se isolando ainda mais na artilharia. A equipe Manauara respondeu cinco minutos depois. Sávio empatou a partida. Debaixo de forte calor, as equipes se estudavam e buscavam encontrar alternativas para perfurar as defesas adversárias. Thiago Alagoano teve boas chances aos 29 e aos 45 da primeira etapa, e por pouco não voltou a colocar o Brusque em vantagem. Na segunda etapa, empurrado pela sua torcida, o Manaus encontrou o segundo gol. Após cobrança de escanteio, Mateus Oliveira virou a partida em favor dos amazonenses.

O Bruscão não se acanhou e passou a buscar o empate. Thiago Alagoano dessa vez não ficou no quase e balançou as redes do Manaus. A partida ficou tensa com as equipes tendo cautela nos minutos finais, afinal, ninguém queria correr o risco de perder o troféu nos últimos minutos.

Nas cobranças de pênalti, o Bruscão levou a melhor. Como nos títulos da Copa SC de 2008 e 2018, o clube voltou a levantar uma taça, fora de casa, e nas penalidades. Na primeira rodada de cobranças, todas as cobranças foram convertidas. Já nas alternadas, Márcio Passos jogou por cima do gol de Zé Carlos. Coube ao goleiro do Brusque cobrar o pênalti decisivo que colocou nas prateleiras do Quadricolor o troféu de campeão brasileiro.

Com a conquista, o Brusque ingressa no seleto grupo de clubes catarinenses campeões nacionais e se converte no primeiro clube do estado a conquistar o título da Série D.

Texto: Célio Bruns Jr – Assessoria de Imprensa Brusque Futebol Clube

Foto: Lucas Gabriel Cardoso

Últimas postagens

Time brusquense de handebol feminino se movimenta para o JASC

A equipe de handebol feminino de Brusque se movimenta para disputar a 60ª edição Jogos Abertos de Santa Catarina – JASC 2020. A...

Conversando com Você de 21 de setembro de 2020

Conversando com Você de 21 de setembro de 2020. Ouça! Conversando com Você de 21 de setembro de...

Previsão do tempo de 21 de setembro.

Previsão do tempo de 21 de setembro.

Diretor executivo do OSB fala sobre monitoramento das eleições 2020

O Observatório Social de Brusque (OSB) tem apresentado desde sua criação em um papel importante em diversas demandas especialmente no acompanhamento e...

Pró-reitor de graduação da UNIFEBE fala sobre programação da Semana Integrada de Cursos

O jornalista e autor do best-seller “O papai é pop” abrirá a Semana Integrada de Cursos da UNIFEBE, com uma palestra virtual gratuita. O...
Publicidade
WhatsApp chat