Oftalmologista participa de congresso nacional e apresenta projeto realizado nas escolas de Guabiruba

Oftalmologista participa de congresso nacional e apresenta projeto realizado nas escolas de Guabiruba

Outras notícias da semana

Vacina contra Influenza está disponível para pessoas com idade entre 20 e 49 anos

A Campanha de Vacinação contra a Influenza (H1N1) encerrou nesta terça-feira (30). Agora a Secretaria de Saúde disponibiliza a vacina para adultos com idade...

Loja de ferragens é furtada e polícia pede que população fique atenta a venda de produtos do local

https://youtu.be/zbvAOOB8YOQ Na madrugada desta sexta-feira (3), uma loja de ferragens foi alvo de criminosos, no Centro de Brusque....

Câmara realiza sessão presencial com restrições, mas serviço remoto será mantido

A Câmara de Vereadores testou um novo formato para sessão da Câmara de Vereadores, nesta terça-feira, 7. Após trabalhar de modo remoto nas...

Mesmo com ajuda de cães dos bombeiros, jovem desaparecido no rio desde terça-feira não é encontrado no terceiro dia de buscas

Os mergulhadores do Corpo de Bombeiros de Brusque e Blumenau encerraram na tarde desta sexta-feira (3), o terceiro dia consecutivo de buscas...

A oftalmologista Maiara Dalcegio é guabirubense e participou do Congresso da Sociedade Brasileira de Oftalmologia (SOB) em São Paulo, que acontece nos dias 4 a 6 de julho. O congresso nacional da SOB contempla todas as áreas de oftalmologia e conta com os especialistas mais renomados do país. Maiara foi convidada a apresentar o seu projeto que foi realizado nas escolas da Guabiruba.

O “Visão na Escola” teve autorização da Secretaria Municipal de Educação para aplicar testes de visão em todos os alunos do município, além de conscientizar e orientar pais e professores sobre a importância dos exames oftalmológicos prevendo sinais de que a criança pode precisar de óculos ou outros tratamentos.

A oftalmologista relata sobre os resultados das avaliações. “Entre 2016 e 2017 avaliamos mais de 3200 estudantes. Todos levaram para casa uma carta aos pais explicando sobre o teste, seu resultado e recebendo orientações de saúde visual. Realizamos um estudo que mostrou que, de cada 4 a 5 crianças, uma delas tinha necessidade de avaliação com médico oftalmologista.”

Esse estudo ganhou destaque no congresso por alertar sobre a importância do exame oftalmológico na infância e o impacto que as queixas visuais causam no aprendizado. Maiara ainda acrescenta que neste ano ocorre a segunda etapa do projeto, que visa realizar a comparação entre o antes e o depois da atividade. Também será elaborada uma cartilha para as escolas que ficará pronta até o final deste ano.

Acompanhe a entrevista com a oftalmologista Maiara Dalcegio no Jornal da Diplomata

Últimas postagens

Brusque registra 79 novos casos de Covid-19

A cidade de Brusque conta atualmente com 794 casos confirmados de Covid-19. Nesta quarta-feira (8) foram 79 novos casos. De acordo com o boletim...

Brusque FC encerra preparação para o retorno das decisões do Catarinense

Nesta quarta-feira, 8, o Brusque FC encerrou a sua preparação para enfrentar o Joinville, com o famoso rachão. A comissão técnica, optou por realizar...

Botuverá tem 5 novos casos confirmados de Covid-19; São 21 no total

A Secretaria Municipal da Saúde confirmou, na tarde desta quarta-feira (08), mais 5 casos de infecção pelo novo coronavírus em moradores de...

Carro e moto colidem na ponte da rua Prefeito Germano Schaeffer

Por volta do meio-dia desta quarta-feira, 8, uma colisão carro e moto movimentou o Corpo de Bombeiros. O acidente ocorreu sobre a ponte na...

Cancelada a Feira de Aves e Pequenos Animais

O Clube Brusquense de Ornitologia (CBO) informou o cancelamento da Feira de Aves e Pequenos Animais, que seria realizada no Pavilhão da Fenarreco, nos...
Publicidade
WhatsApp chat