Reunião da Câmara recebe representante da empresa responsável pelo abastecimento de água em Guabiruba

Reunião da Câmara recebe representante da empresa responsável pelo abastecimento de água em Guabiruba

Outras notícias da semana

PM prende homem com mandado em aberto por crime de roubo no Paraná

Na noite de sábado, 30, um homem com mandado de prisão por roubo foi preso pela Polícia Militar. A abordagem foi realizada na região...

Reitora da Unifebe fala sobre Plano de Retomada Gradual às aulas presenciais

Planejamento prevê medidas a serem adotadas quando houver relaxamento da quarentena no estado. O Centro Universitário de Brusque (UNIFEBE) criou...

Sobe para 139 número de casos de Covid-19 em Brusque

Nesta sexta-feira (29) o município conta com um paciente internados em enfermaria O município de Brusque contabiliza até o...

Hospital Azambuja recebe respiradores do Governo do Estado

A tarde desta quinta-feira, 28 de maio, foi marcada pela entrega dos 10 respiradores doados pelo Governo do Estado de Santa Catarina...

Na noite de terça-feira, 09, a Câmara Municipal de Guabiruba realizou mais uma sessão ordinária, sendo os trabalhos presididos pela vereadora Rosita Kohler (Progressista). O encontro também contou com as presenças dos demais vereadores e de representantes da empresa Atlantis Saneamento, contratada para fazer o processo de transição entre rompimento com a Casan e a chegada da empresa que vencerá o processo de concessão do tratamento, distribuição de água e esgoto.

O Anderson Sandrini Botega, proprietário da Empresa Atlantis Saneamento fez uso da tribuna popular da casa legislativa atendendo pedido do vereador líder da bancada de oposição Jaime Luiz Nuss (MDB), para prestar esclarecimentos sobre problemas pontuais com relação a falta de água e também coloração da mesma que é distribuída para comunidade.

IMG_0567_logo
Anderson proprietário da Atlantis Saneamento no uso da tribuna da Câmara Municipal.

O proprietário falou sobre o histórico da empresa, situação do sistema recebido após a saída da Casan e também os investimentos que serão necessários após a conclusão do processo de concessão que está em andamento no município.

Para o empresário o sistema herdado pelo município está sucateado e produz menos que a demanda. Ele também destacou os investimentos pontuais feitos nos últimos 12 meses.

O vereador Jaime Luiz Nuss afirmou que o prefeito Matias Kohler deveria ter previsto a situação de falta de água e distribuição de má qualidade quando tomou a decisão de romper o contrato com a Casan. Ele também lamentou que os investimentos que estão sendo realizados não serão ressarcidos aos cofres públicos, quando for decidido pela empresa vencedora no processo de concessão que segundo o vereador oposicionista está com problemas junto ao Tribunal de Contas do Estado (TCE).

O vereador Cristiano Kormann (Progressista) voltou a ressaltar a coragem do prefeito Matias Kohler em romper o contrato com a Casan com relação ao tratamento e distribuição de água em Guabiruba. Segundo o parlamentar como consequência da falta de investimento da Casan foi herdado um sistema sucateado com muito problemas. O parlamentar acredita que após a escolha da empresa no processo de concessão que está em andamento os investimentos financeiros necessários serão realizados e como consequência os problemas serão sanados. 

IMG_0571
Falta de água em alguns pontos e coloração escura foram os motivos da solicitação de explicações de o trabalho da Atlantis.

O vereador Waldemiro Dalbosco (Progressistas) voltou a destacar que não restou outra alternativa por parte da administração municipal senão o rompimento após os mais de 40 anos sem investimentos da Casan. Ele afirmou que sabe das situações pontuais que estão acontecendo na cidade com relação a falta de água, mas após a conclusão do processo de concessão e o aporte de investimentos por parte da empresa vencedora em médio prazo haverá uma melhora significativa nos serviços.

A vereadora Rosita Kohler falou sobre reunião que participou da Associação de Moradores do bairro Planície Alta (AMPLA), momento que externou as reivindicações da comunidade.

ORDEM DO DIA

– Foi aprovado em discussão e votação única o Projeto de Lei Ordinária nº 18/2019 do Executivo, que “DISPÕE SOBRE A ABERTURA DE CRÉDITO ESPECIAL E SUPLEMENTAR NO ORÇAMENTO DO MUNICÍPIO DE GUABIRUBA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS”.

– O Projeto de Lei Ordinária nº 20/2019 do Executivo, que “DISPÕE SOBRE O FUNDO MUNICIPAL DE TURISMO DE GUABIRUBA – FUMTURG”. Foi retirado de pauta após pedido de vistas

– Foi aprovada Moção de Congratulações nº 09/2019;

– Foi aprovada a Moção de Pesar nº 10/2019.

Nada mais havendo a tratar, foi declarada encerrada a sessão ordinária, convocando a próxima para o dia 16 de julho de 2019, no horário regimental às 19 horas.

SourceRedação

Últimas postagens

PM prende homem com mandado em aberto por crime de roubo no Paraná

Na noite de sábado, 30, um homem com mandado de prisão por roubo foi preso pela Polícia Militar. A abordagem foi realizada na região...

Mega-Sena acumula e próximo sorteio deve pagar R$ 45 milhões

Nenhum apostador acertou as seis dezenas do concurso 2266 da Mega-Sena, realizado ontem (30), no Espaço Loterias Caixa, em São Paulo, situado no terminal rodoviário do...

ANEEL anuncia bandeira tarifaria verde até dezembro de 2020

A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) decidiu manter a bandeira verde acionada até 31/12/2020. O anúncio foi feito nesta terça-feira (26/5), em Reunião Pública da...

Boletim Epidemiológico: 146 casos confirmados de coronavírus em Brusque. 74 recuperados

Nas últimas 24h foram registrados sete novos casos de coronavírus em Brusque. Agora, a cidade tem 146 pacientes que já foram diagnosticados...

Prefeito de Brusque debate descentralização das ações de combate ao Coronavírus no Estado

O prefeito de Brusque, Jonas Paegle, participou na manhã de sábado (30) de uma webconferência com representantes do governo do Estado, chefes...
Publicidade
WhatsApp chat