Início Notícias Política Câmara aprova projeto que extingue e cria cargos no legislativo

Câmara aprova projeto que extingue e cria cargos no legislativo

A Câmara Municipal realizou sessão ordinária nesta terça-feira, 19 de março. Os vereadores discutiram três projetos de lei na Ordem do Dia.

Após o uso da palavra pelas lideranças partidárias e também no espaço da palavra livre, onde vários temas foram abordados, houve a discussão e votação dos projetos que estavam em pauta na ordem do dia.

Em primeira discussão e votação, aprovado o Projeto de Lei Ordinária nº 05/2019, de origem executiva, que “Autoriza o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto – SAMAE de Brusque a celebrar acordo extrajudicial, que abaixo especifica”;

Em primeira discussão e votação, aprovado o Projeto de Lei Ordinária nº 06/2019, de origem executiva, que “Autoriza o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto – SAMAE de Brusque a celebrar acordo extrajudicial, que abaixo especifica”.

Em discussão e votação única, também em pauta o Projeto de Resolução nº 02/2019, de origem legislativa, que “Extingue e cria cargos no quadro único de servidores do Poder Legislativo”.

Sessão da Cãmara
Sessão da Cãmara de Brusque realizada nesta terça-feira, 19.

Depois de muita discussão e votação entre situação e oposição, o edil Sebastião Isfer de Lima do PSDB, líder da oposição apresentou um requerimento pedindo vistas do referido projeto para que o mesmo fosse melhor avaliado, no entanto o pedido foi rejeitado.

Ato continuo o presidente colocou o projeto em votação e o mesmo foi aprovado por maioria mínima dos presentes 7 x 5.

Ivan Roberto Martins vice-presidente da Casa Legislativa, falando ao Jornalismo Diplomata, disse que o presidente teria a prerrogativa de nomear servidores para os cargos vagos mas preferiu elaborar um projeto extinguindo os mesmos e criando dois que segundo ele é necessário.

Acompanhe a entrevista concedida por Ivan Martins ao Jornal da Diplomata

Já o vereador de oposição Paulo Sestrem criticou o projeto especialmente segundo ele por não ser o momento adequado para criação de cargos, uma vez que o que a sociedade quer é mais austeridade com o dinheiro público, embora a Câmara de Brusque seja bastante enxuta em relação a outras do estado.


Acompanhe a entrevista concedida por Paulo Sestrem ao Jornal da Diplomata


Com informações de Sergio Ferreira

Must Read

Interligado – resultado sorteio de 26 de junho.

Óculos de Sol Unissex das Óticas Diniz - Ganhador: Thiago Postal Almoço pra duas...

Presidente da Fecomércio participa de sessão ordinária na Câmara Municipal

Na noite de terça-feira, 25, a Câmara Municipal de Guabiruba esteve reunida em mais uma sessão ordinária, sendo os trabalhos conduzidos pela presidente da...

Conversando com Você de 26 de junho de 2019

Conversando com Você de 26 de junho de 2019. Ouça! Conversando com Você de 26 de junho de...

Carro cai em buraco de obra na na rua Paulo Knihs

Um veículo caiu em um grande buraco de uma obra na rua Paulo Knihs, no bairro Águas Claras. O acidente foi registrado...

Copa Santa Catarina terá dez clubes e mata-matas; Brusque FC confirmado

Está definido o caminho dos clubes catarinenses que almejam participar da Copa do Brasil de 2020 através da conquista da Copa Santa Catarina...
WhatsApp chat