Mulher que abrigava assaltantes em Brusque é condenada pelo Tribunal de Justiça

Os assaltantes pegaram uma vítima como refém e fugiram. Houve perseguição policial. Após despistar a polícia, os criminosos abandonaram a refém mas esqueceram um telefone celular ao deixar o veículo, o que facilitou na identificação da autoria do crime

Outras notícias da semana

Polícia Militar prende dois homens após caso de furto em supermercado

Na manhã desta sexta-feira, 07, a Policia Militar prendeu um homem por furto e outro por receptação. O fato aconteceu no bairro...

Sala de áudio e vídeo da Câmara Municipal receberá o nome de Ronei Zancanaro

            A Câmara Municipal de Brusque homenageará o ex-servidor Ronei Zancanaro -  falecido em 10 de julho, aos 42 anos, em decorrência de infecção...

CDL Brusque e Sindilojas proporcionam economia ao município com sugestão de reaproveitamento tecnológico

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Brusque (CDL) e o Sindilojas sugeriram à Prefeitura de Brusque que os 20 pontos de acesso...

Governo do Estado amplia medidas de distanciamento social por sete dias em oito regiões

O Governo do Estado anunciou nesta sexta-feira, 07, a ampliação das medidas de distanciamento social no Estado para oito regiões classificadas em situação gravíssima,...

TJSC confirmou condenação de mulher que deu apoio logístico a assalto em supermercado. Crime ocorreu em Itajaí

Integrante de uma quadrilha que praticava assaltos em Santa Catarina e no Paraná, uma mulher teve condenação confirmada pela 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, em matéria sob a relatoria da desembargadora Salete Silva Sommariva, pelos crimes de roubo e associação criminosa em Itajaí. Em apelação criminal interposta pela ré, que buscava absolvição por falta de provas, os desembargadores, por unanimidade, deram parcial provimento para retirar a qualificadora do roubo e majorar a pena pelo concurso de pessoas. Assim, a pena da mulher foi ajustada para cinco anos, sete meses e seis dias de reclusão no regime semiaberto, vedada a substituição de pena privativa de liberdade por restritiva de direitos.

Em depoimento na delegacia, a mulher contou que estava com quatro meses de aluguel atrasado e, em razão disso, o namorado disse que faria um assalto para quitar os débitos. Após o contato do namorado com outros homens, a quadrilha, em um total de cinco, realizou assalto a um supermercado em agosto de 2005. Durante o crime, em que foram subtraídos R$ 2 mil em espécie mais R$ 50 mil em cheques, por coincidência uma viatura da polícia militar chegou ao estabelecimento.

Os assaltantes pegaram uma vítima como refém e fugiram. Houve perseguição policial. Após despistar a polícia, os criminosos abandonaram a refém mas esqueceram um telefone celular ao deixar o veículo. A partir daí os investigadores da polícia civil começaram o monitoramento dos indivíduos e chegaram à mulher, que abrigava os criminosos em uma casa no município de Brusque e emprestara o automóvel. Ela teria recebido pelo auxílio R$ 2.125,50, provenientes do depósito de um dos cheques roubados. Em juízo, ela contou outra história, negou participação e disse que o dinheiro era do pagamento de programas.

Para a relatora, não há como absolver a mulher por falta de provas. “As provas não deixam dúvidas acerca da participação de no mínimo três indivíduos no evento criminoso, e que a ré possuía pleno conhecimento disso, o que impede o afastamento da majorante do concurso de pessoas. Da mesma forma, o emprego de arma era previsível e, sendo a apelante pessoa que deu suporte na preparação do evento ilícito, era sabedora do emprego de arma. Por outro lado, não restou demonstrado que a ré tinha ciência da restrição da liberdade da vítima, pois em juízo nada foi produzido neste sentido e cuida-se de comportamento que nem sempre é esperado. Destaca-se, ainda, que a acusada não estava no local quando da realização do roubo”, disse a desembargadora Salete Sommariva em seu voto. Participaram também do julgamento os desembargadores Norival Acácio Engel e Antônio Zoldan da Veiga.

Últimas postagens

Em luto por André Karnikowski, Brusque vence o São Bento, pela Série C

O Brusque FC venceu o São Bento por 1 x 0 na noite desta quinta-feira, 13, em Sorocaba-SP. O jogo marcou a...

Covid-19: Vigilância em Saúde informa mais um óbito em Brusque

A Vigilância em Saúde informa que a Regional de Saúde de Blumenau comunicou a Vigilância Epidemiológica de Brusque, na tarde desta quinta-feira...

Confira o Boletim Epidemiológico da Prefeitura de Brusque desta quinta-feira (13)

A Secretária de Saúde de Brusque, por meio da Vigilância em Saúde, informa os números relacionados à pandemia de Coronavírus (Covid-19) no...

Prefeitura realiza 525 testes de covid-19 em servidores da Saúde

A prefeitura de Brusque, por meio da Secretaria de Saúde, realizou na última quarta-feira (12) 525 testes de covid-19 nos servidores que...

Brusque regista mais dois óbitos por Coronavírus; município atinge 42 óbitos no total

Brusque registrou nesta quinta-feira (13) mais dois óbitos por coronavírus. São agora 42 registros no total. As novas vítimas são dois homens....
Publicidade
WhatsApp chat