Início Notícias Educação Professor Deschamps fala sobre Enem e uso da linguagem nas redes sociais

Professor Deschamps fala sobre Enem e uso da linguagem nas redes sociais

O professor de língua portuguesa, Luiz Deschamps, falou ao Jornal da Diplomata sobre o uso da linguagem em tempos de redes sociais, de redação do Enem, e de comunicação pessoal ou corporativa através da escrita. A entrevista foi repercutida na edição deste sábado, 26.

“Estamos passando por uma transformação enquanto coletividade, E o fundamental é a linguagem, responsável por aproximar a comunidade e por dar a identidade cultural a várias regiões do país”, frisou.

Deschamps falou sobre o princípio da adequação de comunicação por meio da escrita, principalmente com a efervescência das redes sociais.

“Extremamente natural que a gente passe a ter linguagens para diversos momentos. Uma das coisas mais defendidas pelos linguistas é o uso do critério da adequaçãoo. É importante a gente ter essa noção, pois existem variadas formas de expressão e cada uma delas será mais adequada para os diferentes momentos”, comentou.

Professor Deschamps fala sobre Enem e uso da linguagem nas redes sociais
Professor de língua portuguesa comenta a relação diária com a escrita

Sobre o Enem – Exame Nacional do Ensino Médio, Deschamps avaliou o crescimento do maior exame vestibular do país. Cada ano mais competitivo, o Enem se tornou o grande foco dos estudantes para o ingresso no mundo universitário. Para Deschamps, o bom desempenho do estudante vai além do uso correto da língua portuguesa.

“A prova do Enem, além de ter um caráter eminentemente dissertativo-argumentativo, tem outra exigência que é um complicador: a proposta de resolução daquele problema abordado na prova. Pois o texto é um indicativo que como está funcionando o nosso raciocínio lógico”, explicou.

Em 2018, o tema foi “Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet”. De acordo com dados divulgados pelo Inep, no total, 4,1 milhões de redações da aplicação regular do Enem 2018 foram corrigidas. Mais de 81 mil delas ficaram com nota entre 900 e mil, mas só 55 chegaram à pontuação máxima. Os candidatos homens são responsáveis por 13 dessas notas, enquanto 42 mulheres tiraram a nota mil. 

“Sobre o tema, que é muito atual, temos que começar a nos dar conta, entre outras coisas, que o convívio nas redes sociais vai ter impacto em nossas vidas”, analisou o professor.

Professor Deschamps fala sobre Enem e uso da linguagem nas redes sociais
Professor de língua portuguesa comenta a relação diária com a escrita

A busca por uma escrita melhor não é só um desafio para estudantes em busca de notas. Deschamps comenta que do público adulto ao idoso, seja na vida particular ou corporativa – no mercado de trabalho –, há um interesse em novos aprendizados.

“Eu sinto muito isso, e é prazeroso a gente ver o pessoal preocupado com a capacidade de expressar-se, de escrever um texto (seja redação, e-mails, cartas). Sendo assim, eu deixo uma dica: é preciso desenvolver o hábito da leitura, pois o texto e a leitura são duas faces de uma só moeda. A informação é de fundamental importância”.


Professor Luis Deschamps

Must Read

Brusque: Procura por ingressos no primeiro dia atinge 1500 bilhetes

Mil e quinhentos ingressos vendidos no primeiro dia de vendas nas bilheterias do estádio Augusto Bauer. São números confirmados pela diretoria do...

Sessão de Atividades Técnicas dos bombeiros tem novo endereço

A 3ª Companhia de Bombeiros Militar de Brusque está com novo endereço para a Seção de Atividades Técnicas – SAT. O serviço...

Fundação Cultural de Guabiruba tem eventos agendados até o final do ano

A programação da Fundação Cultural de Guabiruba já tem atividades agendadas até dezembro. As atrações são eventos dos mais variados, envolvendo diferentes...

Apae Brusque realiza Festa Country com alunos do Cecon

Turmas se envolveram em todo processo de decoração, figurinos e coreografias da festa. (Foto: Divulgação / Assessoria Apae Brusque)

Conhecimento e troca de experiências marcam VII Fórum de RH

A importância de se trocar experiências e como ser mais assertivo nas contratações foram alguns dos motivos que levaram mais de 70 profissionais ao...
WhatsApp chat