Início Notícias Esportes Brusque mostra evolução, mas não consegue parar o líder Figueirense

Brusque mostra evolução, mas não consegue parar o líder Figueirense

O Brusque FC mostrou evolução, mas não o suficiente para bater o líder isolado e 100% Figueirense, na noite desta quarta-feira (23), no estádio Augusto Bauer.

A partida acabou em 2 a 1 para o adversário, que agora terá pela frente o clássico diante do Avaí, enquanto o Brusque vai a Itajaí reencontrar o Marcílio Dias após um hiato de mais de dois anos. Para esse jogo, o time não podera contar com Zé Mateus, expulso na derrota para o Figueira.

O jogo

A novidade no Brusque foi o meia-atacante Clebinho entre os 11 titulares. Com ele, o Brusque ganhou consistência e pressionou o alvinegro, obrigando o goleiro Denis a fazer boas defesas ainda antes do intervalo.

Com domínio do jogo, o time corria riscos apenas nos contragolpes da boa equipe adversária, que perto dos 20 minutos obrigou o goleiro Zé Carlos a fazer uma grande defesa. Na sequência do lance, após escanteio, Edilson ainda tirou bola desviada na primeira trave praticamente em cima da linha.

Brusque e Figueirense se preparando para o início da partida, jogadores acompanhado as excussões dos hinos

Perto dos 30, a equipe visitante, chegou ao gol. Júlio Rusch recebeu aparentemente em impedimento, mas a arbitragem nada marcou. Na sequência da jogada, o atleta tirou toda a marcação do Brusque ameaçando o chute, até que rolou para o setor esquerdo. O lance virou um cruzamento venenoso que terminou no gol de Matheus Lucas.

Etapa final
No segundo tempo, o jogo começou semelhante a etapa inicial, com o Brusque novamente melhor. Mas foi o adversário que outra vez balançou as redes. Matheus Lucas recebeu bom passe aos 8 minutos e fez o segundo dele no jogo.

O Bruscão chegou a reagir rápido. Já no minuto seguinte, Edilson cruzou com precisão e Hélio Paraíba marcou o seu terceiro no campeonato para diminuir: 2 a 1.

Com o gol, o Brusque voltou a fazer forte pressão pelo empate. Paulo Baier, que já tinha trocado Gustavo por Jefferson Renan no primeiro tempo, tirou Karl e colocou o atacante Weverton. Depois, Mineiro, lesionado, saiu para a entrada de Cleiton, jogador que fez sua estreia com a camisa do time.

Mas a situação ficou realmente difícil perto dos 35 minutos, quando Zé Mateus foi expulso direto em lance bastante contestado pela torcida, situação que fez o Brusque ficar com um a menos.

Mesmo com 10, o time conseguiu pressionar o adversário, criou chances, mas o empate não veio.

Fonte: Texto Assessoria Brusque FC

Must Read

Acidente com uma morte e dois feridos envolve carro com placas de Brusque na BR-282

Um acidente com óbito, que envolveu um carro com placas de Brusque, foi registrado na tarde desta segunda-feira, 20. A colisão aconteceu na BR-282,...

Novas placas de veículos serão obrigatórias a partir de 31 de janeiro

Após sucessivos adiamentos, começa a valer a partir do dia 31 de janeiro a obrigatoriedade de uso da placa do Mercosul em todos os estados do país. O...

Não resistiu: Jovem vítima de acidente entre bicicleta e caminhão morre no hospital

Anderson Renato Lima Pegorini, de 20 anos, que foi vítima de atropelamento no início da manhã desta segunda-feira, 20 de janeiro no...

Começa hoje pagamento do Bolsa Família

Criado em 2003 como programa de distribuição de renda, o Bolsa Família atende a famílias em situação de extrema pobreza, com renda...

Blitz flagra 284 motoristas embriagados nas rodovias federais de SC durante o fim de semana

Uma fiscalização realizada nas rodovias federais de Santa Catarina flagrou 284 motoristas dirigindo embriagados durante o fim de semana. A operação foi...
WhatsApp chat